quinta-feira, julho 24, 2008

 

Tanta visita para quê?!...

Sócrates multiplica-se em visitas, recepções e discursos com rasgados elogios ao Presidente de Angola, da Líbia e, agora, a Chaves. E ainda vai á China. A retórica do primeiro-ministro não resolve o problema da credibilidade do seu testemunho de vida. Há um divórcio muito grande entre as suas palavras e a sua prática. E além disso, Sócrates na sua argumentação é muito básico. Nunca dá razões: só faz afirmações, sed non demonstrat.

Talvez fosse interessante saber-se o que resulta para a qualidade de vida dos portugueses (e é para este que Sócrates governa) as suas diligências junto de governantes tão polémicos, como Eduardo dos Santos, Muamar Kadafi, etc.

É que nem sempre os interesses do Estado ou do Povo coincidem com os interesses dos grandes grupos económicos que no País vão desmesuradamente crescendo, como Amorim, Mota Engil, Millennium BCP (que agora está em crise, mas parece ser um bom negócio para a filha de Eduardo dos Santos) e outras. Acontece, até, que os Países mais pobres são onde as fortunas mais depressa se acumulam. E a riqueza rápida e desmesurada foi sempre feita á custa de muita pobreza!


Não convinha passarmos de colonizadores a colonizados!

Comments: Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?