sábado, julho 05, 2008

 

Querem melhor?!...

É, hoje, notícia:
«O processo relativo à gestão de José Luís Judas na Câmara de Cascais arrasta-se, e os eventuais crimes de que venha a ser acusado dificilmente terão consequências, já que na sua maioria estão prestes a prescrever. Entretanto, os magistrados intervenientes no processo apuraram estranhos factos Por exemplo, a busca à casa de Jorge Coelho foi adiada por ordem do então director da PJ, que alterou a data marcada pelo juiz. A justificação para o adiamento foi a ocorrência de um evento social.»(Sol)

Os processos mais antigos contra Avelino Ferreira Torres, que transitam de instância para instância ad aeternum, estão também a prescrever e ele já
anunciou a sua candidatura à Câmara do Marco. Prescrevendo os seus crimes, passa a ser HOMEM HONESTO e de BONS COSTUMES, como tantos outros que por aí andam!

As prescrições são uma boa medida. Prescrevendo todos os crimes de corrupção, a corrupção deixa de existir.

E repare-se: se na educação os exames são fáceis, os alunos tiram boas notas, que conclusão tirou a M.E.?... Que desenvolveu políticas acertadas, que os professores estão mais empenhados e nas escolas trabalha-se mais. A Directora Regional da Educação do Norte, em ofício, acrescenta, ainda: “os professores realizam-se com as boas notas dos seus alunos”. Como se vê, com exames fáceis, tudo passa a bater certo!

Se assim é na Educação, por que deveria ser ao contrário na Justiça ou nas obras públicas ou noutro âmbito deste Governo?!...

Um exame muito fácil é como o aluno saber tudo; um crime de corrupção que prescreve é como não tivesse existido; as grandes obras, TCV, novo aeroporto, autoestradas, barragens, etc, sem conhecimento de custos, é como se fossem de borla.

Querem melhor?!...

Viva Sócrates!

O último a pirar-se que apague as luzes.

Comments: Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?