terça-feira, abril 10, 2007

 

Duas notícias marcam este dia

Imperou o bom-senso no caso Esmeralda. No Tribunal de Torres Novas os pais biológicos e os pais afectivos acordaram deixar provisoriamente a criança a cargo dos pais afectivos. Posteriormente serão definidas as circunstâncias exactas dos contactos da menor com os progenitores, bem como uma eventual guarda pelo pai biológico.

Aguarda-se, agora, a libertação do Pai afectivo, Sarg.Luís Gomes..

Também, hoje, foi promulgada a lei da interrupção voluntária da gravidez. Foi um segundo prémio para Albino Aroso, um dos maiores impulsionadores do Planeamento Familiar em Portugal, que, hoje, recebeu o prémio Nacional de Saúde 2006.

Este professor universitário, catóico praticante, amigo pessoal de D. António Ferreira Gomes, sempre se bateu por esta lei. O seu trabalho no âmbito da saúde colocou Portugal entre os cinco países do mundo com mais baixa taxa de mortalidade materno-infantil, à frente de países como a Inglaterra, França e Estados Unidos da América".

Comments: Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?