segunda-feira, março 05, 2007

 

A retratação não chega...

A Ministra da Educação finalmente descobriu que "o problema da indisciplina e da falta de civismo compromete a qualidade da relação pedagógica entre professores e alunos e impede o desenvolvimento do trabalho e do estudo".

Chegou, então, ao que sempre os professores defenderam: é preciso "desburocractizar os procedimentos associados à gestão da indisciplina que são excessivamente codificados e desvalorizadores da autoridade do professor, comprometendo a eficiência educativa”.

Foi tarde, muito tarde!

A violência ostensiva dos alunos (e pais) constitui o efeito directo da banalização da imagem do professor e da ausência de autoridade na escola promovido por uma ministra incompetente e demagógica.

A retratação não chega! Precisamos, urgentemente, de encontrar um outro Ministro da Educação que dê sentido ás finalidades da escola pública!

Comments:
Coitada da senhora, descobriu, tarde mas ainda a tempo - penso eu, de que afinal não precisa só de ganhar a opinião social...
Afinal, reconhece, agora, que os professores são actores principais num palco do qual ela os quis retirar!! Só não sei como vai ela reabilitar a autoridade e dignidade dos mesmos. Não será tarefa fácil! Terá os alunos e os encarregados de educação (alguns apenas) a protestarem sobre a "perda de direitos adquiridos"!!!
Vá lá, não seja tão severo com a Sr.ª ministra!!!:-)
Já o poeta dizia, vale sempre a pena quando a alma não é pequena. (o que acontece é que, por vezes, descobrimos tarde que não temos alma pequena):-)
 
Precisamos até de encontrar outros Ministros! Em quase todas as áreas!
 
O pior deste ministério não é só a incompetência de não saber para que serve a escola pública, mas também a falta de rumo. Além disso, está rodeada de quem, sendo professor, praticamente nunca deu aulas e quando leccionou era um desastre. Podia dar exemplos de algumas pessoas que conheço bem e assim são entendidas pelas poucas escolas por onde passaram.
 
Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?