sábado, maio 05, 2007

 

Novo diploma para as Universidades

O Governo aprovou, hoje, o novo regime jurídico das instituições do Ensino Superior.
Segundo Mariano Gago, este diploma «pretende colocar os estudantes no centro do processo educativo» e «define um padrão internacional como meta a obedecer pelas instituições de ensino superior portuguesas».
Todos concordamos que é uma questão de Estado obrigar o ensino superior (público ou privado) a ter como referência os padrões internacionais de exigência.

Mariano Gago está há muito tempo desligado do ensino. Esperamos que alguém lhe faça ver que não vai contribuir para o alcance dessa meta, insistir com a avaliação dos professores pelos alunos, como acontece actualmente.

Os alunos que mais faltam ás aulas (metade do ano preparam a queima e outra metade cuidam da ressaca) são os que mais pesam nos inquéritos de avaliação dos professores. E nesta avaliação (geralmente orientados pelos líderes associativos que se preparam para uma carreira nos partidos e não para exercerem uma profissão), o que mais os preocupa é o grau de dificuldade das frequências e dos exames. E a conclusão é óbvia: professor exigente não serve.

Assim, não se vai a lado nenhum!

Comments: Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?